Sábado, 1 de Novembro de 2008
tzahal

O exército de Israel tem em uma de suas características menos conhecidas, o papel de impulsionador dos direitos de gays, lésbicas e transexuais que fazem parte da corporação, estando à frente da sociedade. Considerado um dos mais poderosos no campo de batalha e em capacidade tecnológica, o exército israelense (tzahal) está entre os pouco mais de 20 no mundo que permitem que homossexuais assumidos sejam militares.

Em Israel, os homossexuais nunca foram proibidos formalmente de prestar serviço militar, até porque o recrutamento é obrigatório, tanto para homens quanto para mulheres, embora antes de 1980 os militares conhecidamente gays fossem destituídos. Em 1983, foi regulamentada pela primeira vez a integração deles ao exército, mas não seu acesso a postos destacados na inteligência. Uma década depois, o primeiro deputado abertamente gay, Uzi Eben, revelou que foi destituído do cargo de oficial e foi impedido de ter acesso a determinados conteúdos dentro da inteligência militar devido à sua condição sexual. Seu depoimento no parlamento em 1993 provocou uma tempestade política e forçou o exército a mudar as práticas restritivas aos homossexuais, que, desde então, percorreram um longo caminho em defesa de seus direitos nas Forças Armadas de Israel.

Em Israel, os homossexuais não podem se casar, pois a ortodoxia judaica, que contempla apenas a união heterossexual, domina a legislação matrimonial. No entanto, o exército é a primeira instituição a permitir que casais gays se registrem como tais e tenham os mesmos status e direitos de um heterossexual casado na hora de receber assistências sociais e econômicas. Que foi o caso de um alto comandante que morreu em 1996 de câncer e cujo companheiro recebeu os mesmos direitos que o exército dá a uma viúva nestas circunstâncias. A instituição ainda permite que as pessoas que decidem mudar de sexo completem o processo dentro das Forças Armadas. Se um transexual começa a transição dentro do exército, então pode mudar de unidade e se apresentar com o gênero que sente que tem.

Dentro do exército de Israel, nos últimos anos, cada vez mais jovens e militares de carreira homossexuais decidem assumir sua orientação sexual ao contar com o apoio da legislação militar, que proíbe expressamente e pune todo tipo de discriminação. Nos últimos anos, associações de gays, lésbicas e transexuais dividem conferências e organizam oficinas para que desde o recruta recém-convocado até o comandante saibam quais são os principais problemas enfrentados pelos membros da comunidade dentro do exército. (fonte: G1 - o portal da notícia)

Situação inversa no exército brasileiro, onde Laci Marinho de Araújo e Fernando Alcântara de Figueiredo, dois militares da ativa, quando numa atitude inédita resolveram se assumir, não apenas suas orientações sexuais, mas também o relacionamento estável de dez anos na capa de uma das mais importantes revistas do país, foram perseguidos e um deles teve a prisão decretada. Confira esta notícia no site da Revista Época



publicado por star às 08:36 | link do post | comentar

19 de agosto

posts recentes

prince: ícone gay no pass...

recuperado está

o que é: homofobia interi...

j. edgar hoover e clyde t...

trevor project e daniel r...

arquivos

Agosto 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

tags

* cronologia do movimento gay

* retrospectiva 2007

* retrospectiva 2008

a homossexualidade no decorrer da histór

citando

colírio

definindo

depoimentos

direitos e leis

divulgando datas

divulgando eventos

divulgando organizações e ongs

ela e ela

fatos e fotos

feministas

filme e pipoca

homossexuais célebres

livro e abajur

música e sexualidade

musicando estrelas

o que é

poetando

quadrinhos e revistas gays

sombra e luz

sussurros...

vídeos e comerciais

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds