Domingo, 2 de Novembro de 2008




“acordei e encontrei o teu cheiro, não a ti porque tinhas já saído. mas deixas sempre o teu cheiro para me acordar, para eu rolar para o teu lado da cama, ainda quente, as marcas da tua cabeça na almofada, as marcas do teu corpo nos lençóis e uma das pontas está mais machucada, foi essa a ponta que prendeste e cerraste na mão, enquanto a minha boca te procurava e apagava de ti os vestígios do dia, das horas, do tempo que não foi meu... e no lençol ficou marcado o grito que a tua mão soltou, quando no teu corpo só estava eu, e nada mais sabias senão da minha boca, e nada mais havia senão a vontade do teu corpo, que se levantava ao meu encontro, e agitavas a cabeça marcando a almofada... e deixavas cheiro e calor para eu te encontrar ao acordar.”

(do livro ‘erotismo na cidade’ de ‘encandescente’)




tags:

publicado por star às 10:55 | link do post | comentar

19 de agosto

posts recentes

prince: ícone gay no pass...

recuperado está

o que é: homofobia interi...

j. edgar hoover e clyde t...

trevor project e daniel r...

arquivos

Agosto 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

tags

* cronologia do movimento gay

* retrospectiva 2007

* retrospectiva 2008

a homossexualidade no decorrer da histór

citando

colírio

definindo

depoimentos

direitos e leis

divulgando datas

divulgando eventos

divulgando organizações e ongs

ela e ela

fatos e fotos

feministas

filme e pipoca

homossexuais célebres

livro e abajur

música e sexualidade

musicando estrelas

o que é

poetando

quadrinhos e revistas gays

sombra e luz

sussurros...

vídeos e comerciais

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds